Uma alma que se eleva em consciência, eleva o mundo.

quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Propriedades Terapêuticas do Gengibre

Veja aqui as principais indicações do gengibre:

  • Contra enjoo, náusea, (Seu efeito antináusea é reconhecido pela ANVISA. Essa aplicação vem sendo testada em pacientes que se submetem ao tratamento da quimioterapia e vem apresentando resultados positivos) 2 a 4g diariamente, sob forma de chá infusão ou decocção;
  • Contra ressaca, tomar o chá
  • Contra resfriados, tosse, bronquites, asma,
  • Rouquidão, inflamações na garganta e para clarear a voz, usado sob forma de cristais; em pequenos pedaços, mastigando.
  • Ajuda a fortalecer o sistema imunológico.
  • Possui antiinflamatório natural e, por isto é eficiente nas aplicações para aliviar as dores.
  • Combate cólicas causadas pelo acúmulo de gases, constipação, auxilia na expulsão de resíduos alimentares estagnados do sistema digestivo.
  • É expectorante e sudorífero, aquece os pulmões e seca a umidade excessiva dos mesmos, auxiliando na expulsão do muco do sistema respiratório. Produz um aquecimento do corpo através da circulação sanguínea sendo eficaz para casos crônicos de extremidades frias ou com um sistema linfático, usar o xarope.
  • É fonte natural de antioxidante, contribuindo para a diminuição dos efeitos do envelhecimento.
  • Por ser considerado um vegetal afrodisíaco, é indicado contra a impotência sexual masculina.
  • A maior indicação de uso externo refere-se a dores musculares e correlatas.
  • Contra traumatismo, reumatismo e artrite, é usado o óleo (misturado com algum outro óleo neutro) em fricções leves. No Japão, o óleo é também empregado em massagens na coluna e articulações.
  • Para dores de ouvido, aplicar algodão embebido no óleo de gengibre.
  • Como anti-séptico e contra mau hálito fazer bochechos com a tintura; também pode ser mastigado um pequeno pedaço da planta.
Formas de emprego
Usado sob forma de:

  • chá
  • suco
  • tintura
  • óleo
  • xarope
  • cataplasma
  • cortado em pequenos pedaços (para ser mastigado e aspirado)
  • ralado (culinária e fabricação de bebidas)
  • lascas (culinária e fabricação de bebidas)
  • em pó (culinária e fabricação de bebidas)
Modo de preparo
Infusão: para cada colher de chá de raiz triturada, coloca 1 xícara de chá de água quente, deixar repousar por alguns minutos.
Macerado: 0,5 - 1g de pedaço pequeno da raiz em 1/2 litro de água fria, deixar em repouso cerca de 2 horas antes de usar.
Decocção: preparar com 1 colher (chá) de raiz triturada em 1 xícara de chá de água, tomar 4 xícaras de chá ao dia.
Xarope: pode ser ralado e adicionado a xaropes para curtir por um tempo, junto com outras ervas.
Cataplasma: preparar com gengibre bem moído ou ralado e amassado num pano, e deixar no local (para reumatismos e traumatismos na coluna vertebral e articulações).
Rizoma fresco: mascar um pedaço (rouquidão).
Tintura: 100 g do rizoma moído em 0,5 l de álcool de cereais, fazer fricções para reumatismos.
Uso moderado
  • O gengibre, por ser uma raiz forte, deve ser usado sempre com moderação, quando necessário e com as devidas precauções. Em caso de dúvida, devemos consultar um especialista (médico, naturalista, etc.). * Todos os medicamentos, inclusive os fitoterápicos, devem ser utilizados apenas com indicação médica.
  • Nunca preparar muito concentrado, não exagerar nas doses e nem no tempo de uso.
  • Nas casas que vendem produtos de aromaterapia são encontrados óleos de banho que contém, em sua formulação, o óleo de gengibre.

Como comprar e usar

Escolha seu gengibre com a pele sem rugas, pois assim ele não estará fibroso. Descarte os pedaços sem cor, e com as pontas mofadas. Gengibres mais velhos têm o gosto mais forte e mais ardido e, portanto, deverão ser usados com moderação. Eles podem ser guardados dentro de um saco de papel na parte baixa da geladeira por várias semanas.
Para prepará-lo, simplesmente descasque com uma faca afiada e rale ou corte-o em fatias finas.

Cuidados com o Uso

  • Externamente, pode causar queimaduras ou irritações, por isso, deve ser observado o local da aplicação, principalmente pessoas com a pele muito sensível ou com eczema.
  • Antes de usar o óleo na pele, pela primeira vez, deve ser feito um teste de reação, misturando uma gota do óleo com algumas gotas de outro óleo neutro colocando-se nas dobras do cotovelo ou joelho e aguardando cerca de 24hs. Caso a pele não apresente nenhuma reação: vermelhidão e nem coceira, pode ser empregado, porém com moderação.
  • Após cortar o rizoma, lavar as mãos para evitar que a pele fique manchada.
  • Não usar quando for se expor ao sol.
  • Por ser irritante ao estômago, não deve ser ingerida tintura pura, principalmente por pessoas com úlcera.
  • Não é recomendado para pessoas com cálculos biliares.
  • O uso não é indicado para gestantes, porque pode provocar efeitos colaterais para o feto e induzir o aborto.
  • O óleo tem propriedades hipertensivas, por isso, deve ser evitado por pessoas que tenham a pressão sanguínea elevada.
  • Em casos de cirurgia bucal (de gengiva ou extracções dentárias), não são recomendados os buchechos nas primeiras horas.
  •  Não deve ser administrado para crianças menores de seis anos

Fonte : Cozinha Japoneza
 

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

INFLUÊNCIA NUMROLÓGICA NO ANO DE 2012

O ano de 2012 será regido em especial pela vibração do número 5.
O ano de 2012 será um ano  de MUDANÇA ou um tempo para tomar uma nova direção com coisas que não mais trabalham em nosso favor. Será um ano de viagem, coisas inesperadas, divertindo-se, onde devemos tomar cuidado com os abusos. Poderão acontecer mudanças de cenário, de residência, viagens, transferências, mudanças repentinas no trabalho, bem como situações inesperadas.  Ano de encontrar novas pessoas. Sair do buraco. Expandir e promover a nós mesmos.. Assistir a nossa saúde. Parar de fumar ou outros padrões viciadores como, por exemplo, o peso solto por padrões variável de comer para sempre Configurar fundações, curar assuntos velhos. Criar equilíbrio em vitalício. O aspecto de re-criação se apresentará eles mesmos para nós. O ano de 2012 será o ápice para mudança no ciclo de 9 anos. Envolve - adaptabilidade, desenvoltura, variedade, versatilidade, risco, aventura, viaje, surpresas, recreação, apetites sensuais e sexuais, vícios, novas oportunidades, especulação, promoção, liberdade física e mental. Cinco represente serviço para outros.  Este número governa nossa habilidade de pensar claramente e nossa capacidade intelectual. Deve-se observar, entretanto, o ano pessoal de cada um e se o ano de 2012 não é um ano carmico em nosso mapa natal. Caso o período seja um desafio carmico poderemos desenvolver a tendência a possessividade e manipulação em nossos relacionamentos pessoais. Aversão ou medo de mudança falta de curiosidade desejo de perpetuar coisas e situações. Onde poderá enfrentar no ano em questão grande dificuldades em adaptar-se a situações novas e incentivar mudanças em sua vida.
Cor: azul. Planeta: Marte e Mercúrio. Pedra: água marinha. Aroma: erva-doce.
Sensibilidade: tensão nervosa, estafa, insônia, amnésia, vertigem, gagueira, problemas pulmonares, distúrbios nos órgãos reprodutores e vícios.
Desafio: Aprenda a se desprender das coisas.
Oportunidade oferecida no ano de 2012l: Aprender a aceitar mudanças. - não abusar da liberdade pessoal e não fazer dela um mau uso (sexualidade desordenada, vícios). - dominar a inércia. - investigar maneiras melhores de efetuar modificações excitantes nas situações. - oportunidades sexuais abundantes. - muitas aventuras e mudanças inesperadas. - aprender a ter consciência do próprio corpo. - compreender as fraquezas e defeitos dos outros. – aprender que a vida é um constante risco.
 
O Ano de 2012 - Ano Universal 5 – é também composto pelos algarismos 1 e 2. 
INFLUÊNCIA DO NÚMERO 1 no ano de 2012: Ano de novos inícios! As pessoas estarão aprendendo, crescendo, explorando novas opções. É um ano no qual cada um só poderá contar consigo mesmo. A energia velha dos 9 anos passados terminou e um novo ciclo de 9 anos se inicia. Então, tome cuidado, pois tudo o que fizer no próximo ano cria a fundação para o resto de seu ciclo de nove anos. Decida o que é melhor para você e busque isso. Procure por novas oportunidades o ano todo. Mantenha-se ocupado. Planeje uma carreira. Trabalhe só, pois só você pode decidir o que é melhor para você. O 1 também denota gênese, originalidade, criação, autodeterminação, potência, independência, iniciativa, decisões, liderança, comando, coragem, pioneirismo. A área dos profissionais liberais estará em alta no próximo ano. Será um ano de um novo ciclo cósmico e planetário onde as pessoas buscarão novas energias e conexões extrafísicas.

Cor: vermelho–vinho
 .
Pedras: pode usar granada, rubi para dar mais coragem, mais ousadia, mais poder de decisão.


INFLUÊNCIA DO NÚMERO 2 no ano de 2012: Será um ano onde as pessoas deverão usar mais a intuição para atingir seus objetivos. O número 2 denota profundidade, pesquisa, cooperação, amizade, diplomacia, detalhes. Será um ano em que as pessoas estarão buscando se harmonizar com os demais, colaborando, se mostrando receptivas a relacionamentos e associações. Cor: laranja. 

Cores: todos os tons pastéis e amarelo.








terça-feira, 15 de novembro de 2011

O poder de cura do limão


O limão é verdadeiramente uma jóia da natureza. Pode ser considerado o rei dos frutos curativos, sendo impressionante a quantidade e variedade das suas aplicações. No entanto, tendemos a repudiá-lo, quando pensamos no seu gosto azedo, e a minimizar as suas virtudes, tanto na manutenção e recuperação da saúde, quanto ao seu valor nutricional e possibilidades múltiplas de utilização culinária.
Esta atitude se instalou pela suposição de que ele é agressivo para o estômago, que pode acidificar o sangue, descalcificar e enfraquecer o organismo… Ora, nada mais falso e oposto à realidade. Vejamos:
Propriedades
Através de estudos prolongados, constatou-se que o uso do limão estimula a produção do carbonato de potássio no organismo, promovendo a neutralização de acidez do meio humoral. Efetivamente, apesar de no estado livre ter como princípio ativo o poderoso ácido cítrico, este, em contacto com o meio celular, no interior do nosso organismo, é transformado durante a digestão e comporta-se como um alcalinizante, ou seja, um neutralizante da acidez interna. Os seus diversos sais, por seu turno, convertem-se em carbonatos e bicarbonatos de cálcio, potássio, etc, os quais concorrem para acentuar positivamente a alcalinidade do sangue.
Um dos efeitos notáveis do limão é, por exemplo, o de combater o ácido úrico – temível inimigo (tantas vezes letal) de muitos cidadãos quando chegam a uma idade mais “respeitável”.
Tomado pela manhã, em jejum (10 a 20 minutos antes do desjejum), descongestiona e desintoxica o organismo e, se usado com regularidade, erradicará por completo todos os uratos.
Deste modo, é evidente a sua grande valia nas diversas patologias reumáticas e artríticas. Com efeito, a ingestão da dieta de limões (ver abaixo), aumenta na urina a excreção de ácido úrico, uréia e ácido fosfórico.
Seu uso Interno (como também externo) é muito útil na regeneração dos tecidos inflamados das mucosas, reconduzindo ao estado e funcionamento normal de todos os órgãos do aparelho digestivo. Nas afecções gastro intestinais, os ácidos do limão destroem os germes e as bactérias nocivas que se libertam e que contribuem para gerar as ulcerações. Ainda combate as fermentações e os gases.
É um amigo do pâncreas e, malgrado certas apreensões quanto a supostas incompatibilidades com o sistema bilioso, revela-se um expurgador e um tonificante do fígado e da vesícula.
Relativamente ao aparelho genito-urinário, bem como ao sistema cardiovascular, é igualmente um poderosíssimo eliminador de toxinas e um tônico privilegiado. Tem, assim, ação que impede e neutraliza a proliferação das tão temidas afecções arterioscleróticas.
Gargarejos do seu suco fresco são benéficos para todos os tipos de afecções do trato nasofaríngeo, bem como para laringites e gengivites. Inalado (puro ou diluído), é um bom desinfetante nas rinites e sinusites.
Indicações de uso Interno
. Asma; Enfisema (paralelamente com a terapia do limão, deve erradicar-se os regimes hiperprotéicos)
. Infecções pulmonares, Tuberculose pulmonar e óssea, Bronquite crônica, Constipações e Gripes
. Afecções Cardiovasculares, Varizes e Flebites
. Fragilidade capilar; Dermatites várias, Prurido, Eczema e Despigmentação
. Hiperviscosidade sanguínea (fluidificante sanguíneo)
. Doenças infecciosas (coadjuvante no tratamento de mononucleoses, leucocitoses, blenorragias, sífilis, etc.)
. Paludismo e Piorréia alvéolo dental
. Febres (infusão de folhas de limoeiro e/ou cascas do fruto, podendo juntar-se o suco)
. Gastrites, Dispepsias e Aerofagias (também se podem mastigar finas lascas da casca do citrino)
. Úlceras de estômago e do duodeno, Esofagite de refluxo
. Insuficiência hepática e pancreática; Icterícia e congestão hepática (utilização e quantidades adaptados a cada caso)
. Desinteria, Diarréias, Febre tifóide e Hemorróidas
. Colites, Meteorismo e Parasitas intestinais (ralar a casca do limão e fervê-la em água, com ou sem açúcar)
. Fortalecedor da visão, Glaucoma e Hipertensão ocular
. Hemorragias, Hemofilia e Escorbuto
. Astenia, Anemias e Desmineralizações (aumenta a capacidade imunológica)
. Amamentação, Obesidade e Disfunções metabólicas (reequilibrante)
. Hipertensão arterial; hipotensão arterial (regulador da pressão)
. Afecções do sistema nervoso (fortalece e equilibra. As flores do limoeiro são também muito benéficas)
. Diabetes, Leucemia (preventivo), Cancro (preventivo), Enfarte (preventivo) e Tromboses; embolias (preventivo)
. Escleroses, Arteriosclerose, Doenças reumáticas e Artrites
. Descalcificações, Linfatismo e Ascites
. Retenções urinárias e Litíase urinária e biliar
. Prevenção de epidemias, Antitóxico; Antivenenos
Indicações de uso Externo
. Conjuntivites; Fortalecedor da visão (gota do suco utilizada como colírio) e Tonificante ocular (banhando os olhos, de manhã, ao levantar, com água acidulada por algumas gotas de limão)
. Cefaléias (neste caso, colocar compressas embebidas em sumo na fronte e nas têmporas)
. Febre do feno, Sinusites e Anginas
. Hemorragias nasais (epistaxis) e Otites
. Estomatites, Glossites, Aftas e Sifílides bucais
. Blefarites, Terçóis e Herpes
. Dermatoses (erupções, furúnculos, etc), Feridas infectadas e Picadas de insetos
. Verrugas, Seborréia facial, Tônico e adstringente facial
. Unhas quebradiças e Pés sensíveis (friccionar com sumo ou polpa)
. Queda do cabelo (fazer lavagens e fricções do couro cabeludo com o sumo puro)
. Tonificante corporal (juntando suco de limões espremidos à água do banho)
Composição
Entre os frutos conhecidos e disponíveis, é o que apresenta o mais elevado índice de radioatividade natural e benéfica (85%), sendo seguido pela uva moscatel ácida e pelo ananás (74%).
Podemos dizer que existem cerca de 70 variedades. Todas são portadoras de uma enorme capacidade vitamínica e de dinamismo no nosso metabolismo interno.
– Contém vitamina B1, B2 e B3, provitamina A (caroteno), que se encontra principalmente na casca e, vitamina A na polpa fresca e sumo.
– É riquíssimo em vitamina C (40 a 50mg/100gr de fruto), que joga um papel inestimável nos fenômenos óxido-redutores, beneficiando, concomitantemente, o desempenho das glândulas endócrinas. Por essa razão, é indispensável a sua ingestão diária.
– Possui vitamina PP, que age protegendo e tonificando o sistema vascular, e vitamina I que é um preventivo das pneumonias.
– Contém grandes quantidades de sais minerais e oligoelementos como o cálcio, ferro, silício, fósforo, cobre, magnésio e iodo.
– Encontram-se apreciáveis percentagens de ácidos cítricos e málico, além de pequenas quantidades de ácido acético, fórmico e de citratos de potássio e de sódio.
– É portador de glucose e frutose diretamente assimiláveis, bem como de sacarose.
– Contém gomas, mucilagem e algumas albuminas.
Tratamento Intensivo com o suco do Limão
Enumeramos, acima, muitos dos casos que se beneficiam com o uso regular do limão. No entanto, uma utilização intensiva é especialmente indicada nos reumatismos e doenças afins, na asma, enfisemas, doenças agudas, e afecções do sistema digestivo.
Começa-se o tratamento pela ingestão do suco de 1 limão puro sem adoçar. Vai-se aumentando a dose ao longo de 10 dias consecutivos, até chegar ao suco de 10 limões, distribuídos ao longo do dia, antes das refeições (10 a 20 minutos).
A partir do 10º dia decrescem as doses em equivalente proporção até chegar ao 19º dia, altura em que, tal como inicialmente, se deverá tomar o suco de apenas 1 limão.
Importante:
1) Convém, em seguida a cada toma, bochechar bem a boca com água pura, pois a acidez do limão pode atacar o esmalte dos dentes. Mas uma dica fantástica é ingerir o suco com CANUDINHO. Ele vai evitar o contato com os dentes e também o sabor acentuado que permaneceria na boca por uns bons minutos.
2) Convém lavar as mãos com bastante água corrente imediatamente após seu manuseio com o limão, principalmente se você irá ter contato com o sol. Caso contrário você poderá ter manchas na pele.
3) Observar que este regime não é radical, sendo adaptável de acordo com as naturezas individuais e as circunstâncias específicas. Pode, com vantagem, observar-se no início da Primavera, do Outono ou do Inverno.
Estas recomendações não eliminam a consulta médica.
É importante lembrar que este é um tratamento alternativo, e não substitui um tratamento alopático e as recomendações médicas. Também não garante a cura (nem os alopáticos garantem), mas uma possibilidade de ajuda para o organismo, ao oferecer-lhe um espaço de purificação. O suco fresco do limão é um alimento altamente purificador e desintoxicante.
Um cuidado importante:
Ao manusear o limão ou qualquer fruta cítrica, deve-se lavar muito bem as mãos e o local onde foi realizado o uso externo, antes de se expor ao sol. Caso contrário irão se formar manchas escuras na pele.
De qualquer forma, mesmo com a pele muito bem lavada, evitar tomar sol diretamente. Não esquecer nunca de usar o seu filtro solar.
Dicas de uso interno – USAR CANUDINHO
– Bater o suco fresco dos limões com água geladinha, folhas de hortelã (ou outra erva aromática) e umas 6 uvas passa.
– Bater o suco fresco dos limões com água geladinha, suco de 1 laranja e 1 colher de sobremesa de germe de trigo (ou farelo de aveia).
Fonte: Conceição Trucom é química, cientista, palestrante e escritora sobre temasvoltados para o bem-estar e qualidade de vida.